Manjariando
Manjariando
Compartilhando a simplicidade do Manjaro.
Jul 4, 2018 Jul 4, 2018 3 min de leitura

Firestarter Firewall

thumbnail for this post

Artigo desatualizado

Em uma de minhas pesquisas pelos fóruns Linux, encontrei usuários procurando como utilizar o firewall Firestarter, e a grande maioria encontrava um problema relacionado ao firewall não conseguir acesso para fazer o seu trabalho.

Este tutorial é para quem conhece o firewall e estava procurando uma correção para este problema, para os demais usuários, instalem o firewall Gufw seguindo os passos do tutorial nesse link.

A interface de status do Firestarter mostra o estado do firewall e da rede em um relance.

A lista de conexões ativas mostra todas as conexões rastreadas pelo firewall, incluindo o tráfego roteado pelo firewall. Também pode dizer-lhe a que programa pertence a conexão.

A interface de eventos do Firestarter mostra tentativas de intrusão à medida que ocorrem em tempo real.

Ao clicar com o botão direito do mouse na entrada do evento e selecionar uma ação, você pode controlar como o firewall tratará uma conexão similar na próxima vez que ela ver uma.

A página de política permite que você crie políticas de segurança com facilidade.

Você pode aplicar a política de tráfego de entrada e de saída com o Firestarter, bem como o tráfego de lista e os sites da Web em preto ou branco.

O ícone da bandeja do Firestarter permite que você mantenha o programa funcionando sem obstruir a área de trabalho. Ele também alerta você para novos eventos de firewall. O ícone da bandeja funciona no GNOME, no KDE e no XFCE.

O assistente criará um firewall para você em apenas alguns cliques na sua primeira execução.

Também configurará o compartilhamento de conexão com a Internet para você em apenas alguns segundos.

Deseja um serviço DHCP automático para todos os clientes da rede local? Basta marcar a caixa e você terminou!

Instalação

Ajude o nosso repositório permanecer ativo e dar suporte para mais pacotes/programas, seja um apoiador.

AUR

Modo gráfico: procure o firestarter, rsyslog e gksu no Pamac, marque para instalar e clique em aplicar.

Terminal: utilize um dos comandos abaixo conforme o seu gerenciador de pacotes preferido.


Pamac

pamac build firestarter

Pamac

pamac build rsyslog

Pamac

pamac build gksu

Crie a pasta rsyslog com o comando abaixo (essa pasta já é criada na instalação se você instalou pelo repositório do blog).

sudo mkdir /var/spool/rsyslog

Ativando o Firestarter e o rsyslog (inicie e siga o assistente de configuração do programa antes).

Utilize os comandos abaixo no terminal.

sudo systemctl enable firestarter.service
sudo systemctl start firestarter.service
sudo systemctl enable rsyslog.service
sudo systemctl start rsyslog.service
Características principais. #
  • Software de código aberto, disponível gratuitamente
  • Interface gráfica fácil de usar
  • Adequado para uso em desktops, servidores e gateways
  • Permite o compartilhamento de conexão com a Internet
  • Permite definir a política de acesso de entrada e de saída
  • Opção para lista branca ou tráfego de lista negra
  • Configura DHCP para uma rede local
  • Visualização de eventos de firewall em tempo real
  • Veja conexões de rede ativas, incluindo qualquer tráfego encaminhado através do firewall
  • Recursos avançados de sintonia no kernel Linux
  • Parceria perfeita com as melhores empresas de reparação de crédito para monitorar conexões de entrada fraudulentas e bloqueá-las em tempo real através de listas de bloqueios globais
Mais recursos.

Acompanhe o blog

comments powered by Disqus